Comentários

Dra. Sara Bernardes publica artigo na Obra “Não Aguento Mais”

A obra retrata a preocupação dos pesquisadores e seus achados sobre o aumento nos casos de suicídio.

O artigo da Dra. Sara é uma pesquisa bibliográfica e empírica sobre os mecanismos causais subjacentes ao suicídio juvenil e ao comportamento suicida é necessária para informar os esforços iniciais de identificação e prevenção.

“A taxa de suicídio entre crianças e adolescentes no Brasil, nos EUA e no mundo aumentou dramaticamente nos últimos anos e acompanhou mudanças substanciais nos principais métodos de suicídio juvenil, especialmente entre as meninas. Muito está em andamento para elucidar as relações entre psicopatologia, uso de substâncias, abuso infantil, bullying, uso da internet e comportamento suicida juvenil. Evidências recentes também sugerem papeis específicos de sexo e moderadores de gênero em influenciar o risco de suicídio e comportamento suicida.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a violência interpessoal é a principal razão pela qual, jovens de 10 a 19 anos perdem a vida precocemente no Brasil, revelou o órgão à BBC Brasil.

A informação vem de um estudo global sobre óbito de adolescentes, publicado recentemente. De acordo com a entidade, as principais causas de mortes entre adolescentes brasileiros de 10 a 15 anos são, nesta ordem: violência interpessoal, acidentes de trânsito, afogamento, leucemia e infecções respiratórias.

Já jovens na faixa de 15 a 19 anos morrem em decorrência de violência interpessoal, acidentes de trânsito, suicídio, afogamento e infecções respiratórias.

Assim como nos EUA, no Brasil as taxas de morte por suicídio de adolescentes estão já em terceira posição.

O assunto foi mantido em sigilo entre quatro paredes até, enfim, tornar-se série na internet. Em números absolutos, porém, o Brasil de em dimensões continentais ganha visibilidade nos relatórios: é o oitavo país com maior número de suicídios no mundo, segundo ranking divulgado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em 2014.

Por todo o exposto o suicídio entre jovens representa um importante problema de saúde pública.”

Trecho extraído do artigo escrito por Dra. Sara Bernardes

 

O livro pode ser adquirido pela Editora Edições Superiores, pelo telefone (31)2513-8800.

Comentários

As regras não nos restringem; pelo contrário, facilitam nossos objetivos e nos ajudam a ter uma vida mais plena e livre.

Dra. Sara Bernardes

Seja bom e correto mesmo quando ninguém estiver olhando.

Sara & Cilas

“… revesti-vos de AMOR, que é o VÍNCULO da PERFEIÇÃO.”

Cl 3:14

Ninguém é bom demais, ninguém é bom sozinho e é preciso agradecer.

Sara & Cilas

Nunca forme uma opinião sem ouvir os dois lados.